quarta-feira, 3 de abril de 2013

Inacessível!

Hoje que me passeava pelo facebook dei de caras com a seguinte página e artigo, Papel- Desmistificar Louboutin!

Gostei imenso do artigo e fez-me pensar um pouco nos artigos inacessíveis que gostávamos de ter.

No artigo são mencionadas as 2.55 da Chanel e os Christian Louboutin como artigos icónicos, mas para as variações deste preço há muitos mais artigos de que podemos falar, pois uma Chanel 2.55 pode custar no mínimo 3.500€ e uns Louboutin (que são sapatos e na minha humilde opinião, nunca na vida durarão o mesmo que uma mala se usados ao mesmo tempo) podem custar uns 600€.

Agora, será que o que nos faz sonhar é só o preço ou também o facto de serem icónicos!?!

É que se assim for, há muitas marcas que disponibilizam artigos de luxo a menos de 1.000€, produtos que duram bem mais que 40 anos como é o exemplo da Speedy da Louis Vuitton, criada em 1930, custa aproximadamente 600€ e sim é um valor grande, mas se pensarmos bem, nós até podemos criticar quem fuma, mas nunca pensámos a nível monetário o que isso poderá custar.  Eu conheço muita gente que todos os meses gasta 300€ em tabaco, ou seja, de dois em dois meses podia comprar uma Louis Vuitton (LV)!


Vá, talvez um exagero meu, mas dentro das excentricidades dos artigos de luxo, este é um artigo mais ou menos acessível a quem pode, até se costuma dizer que quem é fã de malas, se começa pelas Speedy ou a Neverful da LV no mundo do Luxo, por serem mais acessíveis, mais práticas e com muita mais durabilidade que todas as outras.

Podemos falar em artistas contemporâneos e comprar malas no valor de 200€ e acharmos que temos excelentes produtos em casa, sim podíamos e há muito bons artigos à venda em Portugal, mas como o artigo falava de luxo, escolhi a LV como referência.

Se virem os vídeos mais visto no youtube sobre estas malas, como é o caso deste e deste, há muita gente que mostra a mala da mãe com 30 anos e super impecável. 

Eu podia estar aqui a falar-vos de uma data de pormenores sobre a mala verdadeira e não as falsas que vemos na rua, pois nenhuma Speedy da LV tem chapas douradas a dizer Louis Vuitton Paris, os logos têm que fazer de espelho de um lado e do outro, por isso é que de um lado estão de cabeça para baixo, etc, mas isso não é chamado aqui!

O que eu gostaria de partilhar com vocês era mesmo um artigo de luxo mais acessível que o habitual e algumas razões que poderão levar-vos a querer poupar para esta mala e não uma de 3.500€.

Não gostam do padrão Monograma habitual (primeira imagem), têm uma variedade de opções enorme e tamanhos disponíveis (2ª imagem: tamanho BB, 25,30,35,40, o tamanho BB, que é a mais pequena, é relativamente novo e micro mesmo).

Sei que isto é difícil de dizer e pior, de interiorizar, mas estas malas praticamente nunca se estragam e duram mais de 40 anos impecáveis.


Para quem não gosta de malas de pele, apenas as alças são de pele que vão escurecendo com o passar dos anos e o padrão monograma da LV ou os outros dois mais comprados, os Damier (3ª imagem- Speedy clara tamanho 25, Damier Azur e Speedy castanha tamanho 30, Damier) são tela e não pele, talvez por isso se possa usar à chuva sem problemas, não requer grandes limpezas, apenas o cuidado de as guardar dentro do Dusting Bag e armário (apenas um aviso, que se forem a uma loja da LV também vos dão, o Damier Azur, a clara, poderá ficar tingida se usada com ganga ou roupas escuras que deitem tinta!).

 


O tamanho da mala do meio é a Speedy 30 (2ª imagem), a mais vendida, tem o chamado tamanho ideal, mas também há quem vá de viagem com elas e tenha a 35 ou 40!

A forma da mala é universal e consegue ficar bem com qualquer modelito, menos num casamento, claro.

Ultima razão para queremos esta mala, se a Speedy só era a mala preferida da Audrey Hepburn também será a nossa! :)


E vocês, sonham ter algum artigo de luxo? Qual?

Bejunfas!!!




12 comentários:

  1. Já pensei várias vezes em comprar a Speedy padrao damier castanho, por ser muito prática e durável. SInceramente só ainda não o fiz porque só há LV em Lisboa e não vou lá assim tão frequentemente, e gosto primeiro de "namorar" a peça, mas está concerteza na minha lista de compras. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sofia,

      Vou fazer-te chatear comigo, porque sei que se ligares para a LV e fizeres uma transferência eles te enviam a mala para casa.

      Outra coisa, acredita eu moro bem pertinho da Av. da Liberdade é impossível ir lá muito namorar, a rua é impossível de estacionar, só para não falar do abusivo parquímetro cada vez que lá fosses :)

      COMPRA eheheheh

      Bjs
      Joana

      Eliminar
  2. Cá está um daqueles artigos que eu amo. Nem que seja para namorar as malinhas eheh. Para nossa felicidade, podemos sempre recorrer a réplicas de luxo. Não é a mesma qualidade mas visualmente também enche os olhos ^^

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Stella,

      brigada pelo feedback.

      Relativamente às replicas, é uma realidade, qualquer um pode recorrer e sempre é um regalo aos olhos :)

      As marcas é que já não agradecem muito...

      Bjs
      Joana

      Eliminar
    2. Pois é Joana. infelizmente nem todos podemos ir a Paris comprar uma LV de dois em dois meses. hehe. Parabens pelo artigo!

      Eliminar
    3. Olá Soraia,

      Tens razão, mas é uma questão de se comprar em Portugal!

      Bjs
      Joana

      Eliminar
  3. I LOVE THIS BRAND AND YOUR BLOG <3
    I'M FOLLOWING YOU WITH GFC AND FACEBOOK
    CAN YOU FOLLOW ME WITH GFC ANd FB,PLEASE?

    http://heel12.blogspot.it/

    KISS,Greta!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hi Greta,

      Thank you for the lovelly words :)

      Off course that I will follow you... Congrats for your blog.

      Kiss
      Joana

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Adoras Zoe,

      Pois também eu se morasse ai em França, bemmmm mais barato :)

      Bjs
      Joana

      Eliminar
    2. Acredito, mesmo assim não é tão barato lolol

      Eliminar